sábado, 29 de maio de 2010

Sushi - a alimentação saudável




O Sushi combina sabores de peixe cru, arroz, fruta e vegetais e requer alguma precaução na escolha dos ingredientes e higiene a manusear, e uma vez que é confeccionado com ingredientes saudáveis é um tipo de alimentação recomendável.

Cuidados redobrados a escolher o peixe

O peixe cru pode estar contaminado com bactérias, parasitas, vírus e toxinas e provocar uma toxinfecção alimentar. Por isso, é necessário ter cuidado na manipulação e confecção do sushi e do sashimi.

Avise o vendedor de que o peixe se destina a preparar sushi. Caso conheça o prato, é mais provável que lhe venda peixe fresco.

Recorrer a peixe congelado elimina a hipótese de parasitas. Para reduzir o crescimento bacteriano, o peixe deve ser descongelado no frigorífico e preparado logo antes do consumo.

Cuide ao máximo da higiene das suas mãos, superfícies e utensílios na cozinha.



Sabores com etiqueta

Algumas fatias de sashimi são uma boa entrada. Comece com peixe branco, como dourada, mais suave. Avance depois com peixes de carne vermelha (cavala, por exemplo), de sabor mais intenso. Pode terminar a refeição com sushi enrolado.

Se preferir, é aceitável usar os dedos. No início da refeição, é habitual receber uma toalha humedecida para limpar os dedos.

Não mergulhe a peça inteira no molho de soja: se o fizer, desfaz-se e absorve todo o molho e os delicados sabores do sushi perdem-se. Após mergulhar o pedaço de sushi moldado à mão no molho, tente comer a peça de uma só vez. É considerado grosseiro trincar metade.

O gengibre de conserva, em fatias muito finas, purifica o paladar. Coma um pequeno pedaço de cada vez. Muito picante, o wasabi intensifica o sabor. Dissolva-o no molho de soja e molhe ligeiramente as fatias de peixe.

Chá verde quente, sake, vinho de arroz e cerveja japonesa são as bebidas tradicionais. Mas vinho branco, verde ou espumante é uma boa opção.

Alternativa benéfica

O sushi contém gordura de boa qualidade, com elevados níveis de ómega 3. Peixes gordos, como o salmão, o atum, o arenque, a truta e a cavala, são os mais ricos nestes ácidos. Para complementar, noutras refeições, pode ingerir legumes, frutas e cereais.

O arroz japonês, um dos ingredientes principais, é uma boa fonte de hidratos de carbono e de proteína. Por não conter glúten, pode ser ingerido por celíacos. O gengibre, wasabi e vinagre contêm propriedades antibacterianas. O primeiro ajuda na digestão e o segundo é uma fonte de vitamina C. O molho de soja é rico em proteína, potássio, cálcio, magnésio e ferro. Atenção: o teor em sal poderá ser elevado.

A alga marinha nori contém proteínas, iodo, vitaminas A, B1, B6, C e ácido nicotínico. Já os vegetais e a fruta são uma fonte de vitaminas, minerais e fibra. Além de possuir proteína de elevada qualidade, o peixe contém vitaminas A e D, magnésio, potássio e fósforo.

Agora que já sabe um pouco de como Sushi é uma alimentação saudável, desafio-lhe a optar por decidir incluir o Sushi na sua ementa semanal ou porque não diária. Feito o desafio deixe aqui o seu comentário sobre o que pensa ou se acha o Sushi uma alimentação saborosa.

Até Já.

Artigos Relacionados

1 comentários:

Fred Alves disse...

Pedi 20 kg em 1 ano comendo bem Suchi, comendo em quantidade inclusive.

21 de julho de 2011 às 08:40

Enviar um comentário